EVENTOS

 

ST TV

Galeria de Entrevistas

Notícias

Dana expulsa agressor de Sonnen, e time de americano vence a primeira

Escrito por Sul Tatame.

Apenas na quinta luta da terceira edição do reality show The Ultimate Fighter Brasil, o time comandado pelo norte-americano Chael Sonnen finalmente conseguiu marcar seu primeiro ponto contra a equipe do brasileiro Wanderlei Silva. Mas mais uma vez, a briga entre os dois - que foi ao ar episódio anterior - chamou mais a atenção que a luta.

O programa começou com Wanderlei Silva indo ao hospital, onde foi detectada uma lesão em sua mão direita, decorrente dos golpes que ele deu em Sonnen. Essa contusão também é um dos motivos do adiamento da luta entre eles. Mas assim que os times foram para a academia, todos foram convocados para uma videoconferência com Dana White.

Como era esperado, o presidente do UFC não perdoou o ocorrido. De cara, expulsou do programa o técnico André Dida, que era assistente do brasileiro e deu diversos golpes em Chael pelas costas. "Eu quero que você deixe o show. Você tem que ir embora! Socar o Chael quando ele estava no chão com o Wanderlei, isso não é o que fazemos neste esporte, e você vai ter que deixar o show. Você deveria ser preso, para ser honesto com você", disse.

Em seguida, o chefão do Ultimate deu nos dois treinadores uma das maiores broncas da história do evento e do reality show.  "Vocês não se gostam, tudo bem. Mas estamos nesta estrada há anos, tentando regulamentar este esporte. Mesmo aí no Brasil, onde tudo começou, as pessoas achavam que o MMA era cheio de 'gorilas', e é exatamente como vocês dois se comportaram."

"Se vocês querem lutar de graça, eu adoraria não ter que pagar, seria ótimo. Vocês são atletas profissionais, ganham muito dinheiro para lutar um contra o outro e finalmente saber quem é o melhor. Se quiserem lutar de graça vai ser maravilhoso, mas eu acredito que vocês não querem fazer isso, certo? Vocês estão em uma competição, sendo mentores de jovens lutadores, mostrando como eles devem agir e vocês dois agiram como idiotas ontem. Parabéns! Me façam um favor? Mostrem respeito pelo esporte, por vocês mesmos e vamos manter isso legal pelo resto da temporada, por favor", completou, aos gritos.

Leia Mais

Werdum atropela Browne e disputará cinturão dos pesados

Escrito por Sul Tatame.

Fabrício Werdum esperava que a luta deste sábado estivesse valendo o cinturão da categoria peso pesado. Mas a lesão do campeão Cain Velasquez impediu o combate. Assim, o brasileiro acabou aceitando enfrentar Travis Browne. Werdum entrou no octógono ao som da música Lepo Lepo, do grupo Psirico, e não se intimidou com a barba do adversário. Vitória do brasileiro por decisão unânime.

Werdum agora vai lutar pelo cinturão da categoria, enfrentando o campeão Cain Velasquez. Dana White já confirmou o duelo, que deverá ser realizado em território mexicano no final do ano.

O brasileiro começou a luta tentando encaixar os golpes com velocidade, mas foi obstruído e por pouco não finalizado. Werdum conseguiu escapar e logo os lutadores acusaram o cansaço. O gaúcho conseguiu ainda encaixar diretos e terminou o primeiro assalto provocando Browne.

No segundo round, Werdum levou a luta para o chão e conduziu o combate do jeito que planejava, cansando o adversário. Estratégia semelhante o brasileiro adotou no terceiro assalto, tentando resolver logo a situação e partindo para o ataque.

O quarto assalto teve um ritmo mais moderado. Werdum tentou levar o combate para o chão, mas foi impedido, enquanto Browne insistia nos chutes altos. No último round, o brasileiro se defendeu das investidas do adversário, que cansado não conseguia emplacar boas sequências.

A segunda principal luta da noite foi um combate feminino. Miesha Tate enfrentou Liz Carmouche na categoria peso galo. Miesha, que vinha de derrota para Ronda Rousey em dezembro de 2013, começou a luta sendo atacada e não conseguiu impor seu ritmo.

Leia Mais

Venda de ingressos para UFC em São Paulo começa nesta quarta; Cigano e Miocic fazem luta principal

Escrito por Sul Tatame.

O UFC volta à cidade de São Paulo no dia 31 de maio, quando receberá as finais da terceira edição do The Ultimate Fighter Brasil, além da luta principal, entre os pesos pesados Stipe Miocic, e Junior Cigano, que faz sua primeira luta pela organização no país. A venda de ingressos para o evento, que ocorrerá no Ginásio do Ibirapuera, começa oficialmente nesta quarta-feira, 16 de abril, a partir das 10 horas.

Inicialmente, a última luta da noite seria entre os treinadores do TUF Brasil 3, Wanderlei Silva e Chael Sonnen. Entretanto, houve uma mudança no cronograma, mandando o duelo entre o Cachorro Louco e o Gângster Americano para o mês de julho, e substituindo o confronto pela estreia de Cigano no Brasil. Na tentativa de se reabilitar da mais recente derrota para Cain Velasquez, o ex-campeão peso pesado do evento enfrenta o embalado americano, que tem apenas uma derrota na carreira, e vem de vitórias sobre Roy Nelson e Gabriel Napão - antigas vítimas de Cigano.

O card principal terá ainda o retorno de Demian Maia à sua cidade natal, e o sexto duelo de Rony Jason pela organização. Enquanto o paulistano tenta se recuperar das duas derrotas consecutivas - para Jake Shields e Rory MacDonald -, enfrentando o estreante russo Alexander Yakovlev, o cearense vem embalado pelo rápido nocaute sobre Steven Siler em março, e enfrenta Robbie Peralta.

Confira o preço dos ingressos, e o card completo do TUF Brasil 3 Finale, em São Paulo.

Arquibancada (R$ 290,00 / R$ 145,00 – meia-entrada); Cadeira Especial (R$ 800,00 / R$ 400,00 - meia-entrada); Cadeira Premium (R$ 1.200,00 / R$ 600,00 – meia-entrada); Octógono Premium (R$ 1.800,00 / R$ 900,00 – meia-entrada); e Portadores de Necessidades Especiais (R$ 145,00 – meia-entrada). O consumidor poderá adquirir até 8 (oito) ingressos por CPF, ficando limitado à aquisição de 2 (dois) ingressos de meia-entrada por consumidor.

The Ultimate Fighter Brazil 3 Finale

Sábado, 31 de maio

Ginásio do Ibirapuera, São Paulo

Card principal

Peso pesado: Junior Cigano vs Stipe Miocic

Final do The Ultimate Fighter Brasil 3 – Peso médio

Final do The Ultimate Fighter Brasil 3 – Peso pesado

Peso meio-médio: Demian Maia vs Alexander Yakovlev

Peso pena: Rony Jason vs Robbie Peralta

Card preliminar

Peso pena: Diego Brandão vs Brian Ortega

Peso leve: Elias Silverio vs Ernest Chavez

Peso leve: Rodrigo Damm vs Rashid Magomedov

Peso meio-médio: Paulo Thiago vs Gasan Umalatov

Peso pena: Kevin Souza vs Mark Eddiva

Peso galo: Pedro Munhoz vs Matt Hobar